INÍCIO ARTIGOS ESPÉCIES GALERIA SOBRE EQUIPE PARCEIROS CONTATO
 
 
    Espécies
 
Camarão Dark Green  
Camarão Dark Green - Caridina sp. "Dark Green"  


Nome comum
: Camarão Verde Escuro / 
Dark Green Shrimp 
Nome Científico:: Caridina sp. "Dark Green" 
Origem: Índia 
Tamanho macho/fêmea: 3 / 3.5 cm 
Têmperatura da água: 20 - 28 °C 
Parâmetros da água: pH 6.8 - 7.5 
Taxa de reprodução: Médio 
Comportamento: Pacífico 
Dificuldade: Fácil

Introdução

Existe muita confusão gerada pelos nomes "Camarão Green", "Camarão Dark Green", e "Camarão Neon Green". Há vários nomes científicos dados a este camarão, e outros criadores afirmaram que esta é, de fato, uma espécie sem nome próprio. 

Histórico

O Camarão Dark Green é originário da Ásia, mas sua localização exata é desconhecida. Sua introdução ao aquarismo é datado de meados de 2007 e é popular por sua coloração verde escuro e ser bastante prolífero e existe uma outra espécie, Caridina Babaulti sp "green", que também possui coloração verde esta não possui um verde tão escuro quanto o Camarão Dark Green e também não é tão prolífero. 

Parâmetros da água

O Camarão Dark Green prefere água levemente ácida, próximo do pH 7.0 pH mais alto também é aceitável. Água limpa também é primordial, como para todos os camarões. A temperatura deve estar entre 20° e 28° Celsius. Extremos de ambos parâmetros devem ser evitados, a água em boas condições ajudará esta espécie a ficar vigorosa e reproduza rapidamente. 

Reprodução

A única espécie verde que possuo é o Camarão Dark Green então só posso citar a minha experiência com esta espécie. Eu comprarei a Babaulti em breve, assim poderei traçar um paralelo entre as duas espécies. Os filhotes são extremamente pequenos e inicialmente possuem uma coloração vermelho escuro que é característica única do Camarão Dark Green, outra característica desta espécie é seu crescimento acelerado do nascimento até a maturidade. Esta espécie cresce rapidamente e virtualmente dobra de tamanho na semana após o nascimento. A espécie Babaulti é o oposto, ela pode levar um certo tempo até atingir a maturidade. Para maiores informações sobre o ciclo reprodutivo de camarões de água doce leia por favor o artigo Reprodução de Camarões.

A foto abaixo mostra um Camarão Dark Green bebê. Note a coloração vermelho escura e o tamanho comparando com o musgo em que ele está..

 
Camarão Dark Green bebê

Diferenciação do Caridina Babaulti sp "Green"

Além das diferenças de crescimento e coloração citadas acima há outras maneiras de diferenciar esta espécie da Babaulti. A cor do Camarão Dark Green é muito intensa, e apresenta a mesma coloração durante toda sua vida. O Camarão Dark Green não muda muito sua coloração, diferente da espécie "babaulti" que é conhecida por suas mudanças de cor. Se você tem dúvidas se tem ou não o Camarão Dark Green aparentemente você não tem esta espécie em particular pois sua coloração verde escuro é tão intensa que o torna inconfundível. Antes de adquirir o Camarão Dark Green certifique-se de que está comprando o correto, tenha certeza que o criador tem experiência e até mesmo peça para ver fotos se necessário. Qualquer um pode confundir o Camarão Dark Green com a espécie Babalti se não for entendido de camarões. 

Sexagem

É bem fácil sexar esta espécie. As fêmeas do Camarão Dark Green são muito maiores e "gordas" que os machos. As fêmeas também são mais escuras que os machos. Os ovos tem coloração verde limão que se destaca do corpo verde escuro da fêmea. É muito fácil identificar se a fêmea está prenha como visto na foto do início desta página. Abaixo temos uma foto aproximada dos ovos.

 
Ovos de Camarão Dark Green

Alimentação

É melhor alimentar uma vez ao dia. Apenas sirva uma quantidade de comida que possa ser consumida pelos camarões em 2-3 horas no máximo. Não é bom alimentar em excesso e deixar comida por muito tempo no aquário pois a sobrealimentação é uma conhecida causa de morte e pode causar variação na qualidade da água. Lembre-se que na natureza camarões são "catadores", eles irão comer tudo o que encontrarem e não são acostumados a ter comida disponível o tempo todo. Deixar de alimentá-los por um ou dois dias é bom e não prejudicará esta espécie. Algumas vezes eu deixo de alimentá-los por alguns dias para que eles limpem o aquário, ajudando assim na qualidade da água. 

Tradução e adaptação: Cleidson Silva 
« Voltar  
 

Planeta Invertebrados Brasil - © 2014 Todos os direitos reservados

Desenvolvimento de sites: GV8 SITES & SISTEMAS